Seu Navegador não tem suporte a esse JavaScript!
 
(SIC - Físico)
Local e Horário de Atendimento
ao Público
PREFEITURA MUNICIPAL DE URU

Avenida FranciscoTelles, 461 - Centro - 16.650-000

Telefones:
(14) 3582-8000

Email
prefuru@uol.com.br

De Segunda a Sexta Feira
Das 08:00 às 11:00 horas e das 13:00 às 17:00 horas

Hora: 00:00:00
Projeto Capoeira
Webline Sistemas

Coordenadora: Eliane Regina Ribeiro Massucato

Professor:

 

A Capoeira

A prática da capoeira é comprovadamente um instrumento eficaz para tornar o jovem em um cidadão. É por meio de atividades esportivas que possibilita a revelação de talentos que se destacam nas diversas modalidades, elevando positivamente o nome do País e produzindo atletas vencedores. Neste contexto, projetam-se cidadãos bem-sucedidos, afastando-os das drogas e da marginalidade, sobretudo nas comunidades mais carentes.

O esporte está intrinsecamente ligado à Educação. Experiências realizadas com crianças desenvolvendo atividades esportivas resultaram em uma conseqüente melhoria do desempenho escolar. Fundamentado nessa experiência é que foi elaborado o Projeto Capoeira, voltado para crianças que freqüentam o Espaço Amigo de Uru.

A Capoeira é originária das danças guerreiras (N’GOLO e BASULA) cultivadas por tribos da África. Utilizavam as danças com o ideal de pedir a Deus vitórias nas batalhas.

A Capoeira surgiu no Brasil em meados do século XVI, e diante da sua condição social (escravos) os negros notaram que muitos movimentos das danças guerreiras poderiam servir de base (ginga) para os movimentos de ataque e defesa. Capoeira ao mesmo tempo é arte, dança, luta e esporte.

 

O Projeto Capoeira de Uru

O Projeto Capoeira visa oferecer gratuitamente aulas de iniciação à Capoeira a crianças na faixa etária dos 8 a 14 anos que freqüentam o Projeto espaço Amigo de Uru. A intenção é proporcionar o aprendizado da Capoeira não só como arte, mas como instrumento de defesa pessoal. 

O projeto contempla 40 crianças com treinamentos dos fundamentos da Capoeira, com aulas teóricas e práticas, incluindo as passagens de cordas.

As aulas são ministradas no contra-turno escolar.

Os alunos receberão também orientações sobre cidadania, disciplina e a importância da Educação formal como base para o desenvolvimento intelectual e profissional.

As aulas serão divididas em módulos e distribuídos durante o ano, encerrando com um grande evento para marcar o batizado dos novos capoeiristas. 

 

Enviar esta notícia para um amigo

Reportar erro